condomínio está à beira do caos

5 sinais de que seu condomínio está à beira do caos

Condomínios são estruturas cada vez mais complexas que oferecem, além de segurança, uma série de serviços, espaços e equipamentos para as mais diversas finalidades. Manter tudo isso funcionando bem e com o menor custo possível é um grande desafio e às vezes as coisas podem fugir do controle. Veja neste post 5 sinais de que seu condomínio está à beira do caos e  previna-se.

Falta de procedimentos

Não é a toa que este é o primeiro sinal da nossa lista. A falta de procedimentos pode ter como consequência todos os outros sinais que veremos abaixo e que representam muitos problemas.

Começamos então a nossa análise pela portaria. Isso porque ela acaba sendo uma central de informações nos condomínios e também é responsável pela segurança. Apesar de sua importância muitos condomínios não adotam os procedimentos adequados ou não fiscalizam o cumprimento de seus colaboradores e moradores.

“Visito muitos condomínios todos os dias e é muito comum entrar sem fornecer meus dados pessoais, as vezes entro até sem ser anunciado. Também vejo outros prestadores de serviço entrando da mesma forma.” Afirma Paulo, vendedor de materiais para condomínios.

O mínimo que deve ser feito é um bom controle de acesso, com o registro completo dos dados de quem entra no condomínio e o devido critério na confirmação com o responsável pela liberação da entrada dessas pessoas.

Veja este artigo sobre os procedimentos de segurança na portaria.

Procedimento envolve organização, método de trabalho, planejamento, registro, padronização.

Se no seu condomínio não existem procedimentos adequados, na portaria e em todas as outras áreas, logo você verá os problemas se multiplicarem e isso mostra que seu condomínio está à beira do caos.

Falhas na comunicação

Grande parte dos problemas em condomínios surgem por falhas na comunicação. Não é à toa que nos últimos anos tem surgido e sido aprimoradas muitas tecnologias voltadas à troca e registro de informações.

Quando não há uma comunicação adequada ocorrem erros, omissões, mal entendidos, retrabalhos e tudo isso gera mais problemas, estruturais e de relacionamento, além de custos que poderiam ser evitados.

Comunicação vai muito além de recados colados no elevador. É preciso certificar-se que a mensagem foi recebida e também é necessário dar encaminhamento as demandas e responder em tempo hábil as ocorrências e mensagens dos condôminos.

Com condomínios cada vez maiores e moradores mais numerosos, manter uma comunicação eficaz é um grande desafio, sendo importante buscar ferramentas para organizar e até dar maiores garantias da entrega das informações a todos.

Se a comunicação o não é eficaz, cuidado, seu condomínio está à beira do caos.

Manutenções emergenciais

Se no seu condomínio as manutenções emergenciais são constantes, isso pode significar que as preventivas não estão sendo feitas corretamente e as consequências podem ser muito graves.

Se surgirem várias manutenções emergenciais no mesmo período, o condomínio pode ficar a beira do caos, pois as manutenções emergenciais além de gerar grandes transtornos, são muito mais caras que as preventivas.

Com condomínios cada vez maiores, com mais serviços e equipamentos, manter as manutenções em dia exige muita atenção e trabalho. Como na maioria das vezes a gestão do condomínio não é a atividade principal do síndico, é importante contar com um zelador capacitado e com ferramentas que o ajudem a organizar a rotina e os prazos das manutenções e vencimento de contratos.

Situações não previstas no regimento interno

Se o síndico é constantemente surpreendido por situações no condomínio que não estão previstas no regimento interno, pode ser um sinal de que o regimento está desatualizado ou foi utilizado um modelo que não condiz com o perfil do condomínio e seus moradores. Isso pode gerar muitos problemas, pois onde não existe regra cada um faz o que quer e não podemos contar com o bom senso de todos.

Se esse for o seu caso, converse com o conselho. Pode ser necessária uma mudança no regimento. É possível criar uma comissão para definir tudo que deve ser previsto no novo regimento interno e convocar uma assembleia para aprovar o mesmo.

Mudar o regimento não é uma tarefa fácil, sempre gera discussões e o código civil não é claro sobre o “quorum” necessário para a aprovação. Isso gera varias interpretações o que é assunto para outro post. De qualquer maneira, neste caso, vale a pena mudar o regimento interno, pois é melhor um dia de caos do que o caos constante pela falta de regras.

Inadimplência

Se no seu condomínio o índice de inadimplência está alto, é preciso buscar uma solução urgente. Sem recursos financeiros suficientes é impossível manter o condomínio funcionando bem.

Inadimplência é um assunto muito discutido mas a conversa e um bom acordo continuam sendo a melhor opção. Já existem condomínios tomando atitudes mais severas como cortes em serviços essenciais. Outros estão se prevenindo contratando garantidoras que efetuam o pagamento integral do valor do condomínio e assumem o serviço de cobrança aos condôminos.

O importante é fazer o acompanhamento constante da situação financeira do condomínio e saber quem está em dia ou não com o pagamento da taxa, contar com o apoio de uma boa administradora faz toda a diferença.

Estes são apenas 5 sinais de que seu condomínio está à beira do caos. Se notá-los, não adie as providências para evitar que o caos se instale. Ser síndico ou gestor de condomínios é um grande desafio, mas também é aprendizado e um trabalho gratificante em prol da vida em comunidade.

A tecnologia está a favor dos condomínios. Busque soluções que o ajudem a melhorar sua gestão e o dia a dia no seu condomínio.

Profissional de vendas dedicado a aproximar empresas com soluções inovadoras de outras empresas e pessoas, estreitando o relacionamento entre elas realizando bons negócios para todos.

2 opiniões sobre “5 sinais de que seu condomínio está à beira do caos”

Deixe uma resposta